logo-quad-mucina.png

CONVIDA:

VARAL de Ci

Uma celebração à pluralidade das práticas de Contato Improvisação

De 12 a 20 de Agosto

Evento Online

 

Contato Improvisação

Boas vindas: O que é o VARAL de Ci

VARAL - um fio suspenso onde é pendurado algo ou algo pendurado é pego. Um lugar para pendurar coisas e deixar sob a ação do tempo.

 

O VARAL de Ci te convida a conhecer o Contato Improvisação por diferentes perspectivas, 

para balançar sua percepção das possibilidades, ou fazer uma primeira aproximação ao assunto, ou seguir nas suas pesquisas não lineares. O VARAL é único ao celebrar a pluralidade das práticas como o grande elemento de unidade no Contato Improvisação (Paxton, 1972). 

Experiência online - vamos mergulhar na contemporaneidade e descobrir o que há de potente. A não perder a oportunidade de aprender e inventar o que não existia antes.

História

Depois de experimentarmos o ambiente das lives do instagram @mucinadanza em uma série de "ENTRE VISTAS no século XXII e XXIII com Marília Carneiro", uma ação feita para  matar a curiosidade sobre o ambiente das lives e para dar forma a uma atividade possível na nova realidade pandêmica, chegamos ao ano de 2222 e estamos há duzentos anos sem Contato Improvisação. Sim, loucura! O tempo está acidental e vamos continuar em quarentena, ao menos os nossos espaços de prática.

 

As entrevistas nos levam ao VARAL, onde vamos celebrar a pluralidade das práticas de Ci, a pluralidade de caminhos para chegar até esta dança, a pluralidade de fins que as pessoas que trabalham com ela inventam contemporaneamente. A nossa amostra é pequena, são as primeiras pessoas de várias que ainda se pendurarão no VARAL. Inaugura-se um espaço neste agosto de 2020 pandêmico, na versão online do agora

 
 

Programação

Contato Improvisação
Contato Improvisação
 
 

Propostas

Quarta-feira 12/08

Abertura do VARAL de Ci com Marília Carneiro (17h30)

NossaJam #22 (18h-21h)

Sobre a NossaJam: Projeto proposto por Paola Francez, em abril de 2019 a praticantes de Contato Improvisação com desejo de prática semanal, gratuita, aberta, de gestão coletiva e horizontal a realizar-se no Centro de Referência da Dança em São Paulo. Em colaboração com Mi Chan Tchung, Daniele Gaspar, Sarah Lopes, Jean Gold, Olívia Silveira dentre outres amantes do CI, a NossaJam foi residente no CRD até o início deste ano. Por conta da obrigatoriedade do isolamento social, em 18/03/2020, com impulso de Otilia Françoso, iniciou-se uma adaptação da “Jam” para o formato virtual. Os encontros, agora via videoconferência, foram ganhando o aspecto de pesquisa coletiva sobre maneiras de se entrar nos estados alcançados nas Jams presenciais -  trabalhando “solo” e coletivamente, ao mesmo tempo. Desde então, a NossaJam Virtual permanece ininterrupta, acontecendo toda quarta-feira, há mais de 20 semanas. Cada encontro é único, facilitado por uma pessoa diferente e, geralmente, com tradução, pois xs participantes são de diversas nacionalidades. Após algumas sessões, Ana Orestein, Clarice Rito, Ken Manheimer e Zach Pine formaram um núcleo que oferece suporte à realização e produção feita pela Paô. A edição do VARAL de Ci é a #22 e terá a focalização de Marília Carneiro.

Quinta-feira 13/08

Apresentação/palestra/prática/bate-papo com Fernanda Carvalho Leite (14h-15h30) 

Esta será uma apresentação, um depoimento da artista, pesquisadora e produtora Fernanda Carvalho Leite sobre a dança CI em POA na perspectiva da sua trajetória permeada por momento de prática e de troca com os participantes através de perguntas ou comentários.

Tarot e(m) movimento com Conrado Falbo (19h-20h30)

Vivência utilizando os arcanos maiores do Tarô de Marselha como temas para a improvisação com movimento.

Obs. Você vai precisar reservar um espacinho em sua casa para poder se movimentar.

Sexta-feira 14/08

Estrutura pra mover com Paola Francez (10h-10h45)

Proposta inspirada na prática de dança contemplativa (Barbara Dilley) e nas adaptações ao formato online (gratidão a experiência com Ken Manheimer e Ana Orestein).horário de chegada 10h, fechamento da sala 10h15 encerramento até às 11h. Pediremos que as pessoas cheguem 10 min antes da prática para acomodação e recomendações técnicas. A sala será fechada depois do check-in.

5min: breve “check-in”. 10min de stand: que pode ser uma pequena dança, ou meditação ativa ou passiva, de preferência de pé, sem obrigações; 10min de solo: convite a seguir o movimento interno percebido no “stand”; 20min de interação: convite a inspirar-se também nos movimentos das demais participantes. Pelo Zoom.

Prática de movimento: corpo, energia e pensamento com Marília Carneiro (19h-22h)

Pelo Zoom, com câmera e microfone abertos. Necessidades: tempo de qualidade para estar focado na prática, silêncio ambiente, espaço, mesmo que pequeno, que permita deitar no chão sem se resfriar e se movimentar de pé. É uma prática de câmera aberta, com orientações de preparação corporal e um ritual coletivo de improvisação de dança a partir de "CI & outros métodos geniais com Marília Carneiro".

Sábado 15/08

Roda de conversa sobre grana com Marília Carneiro (10h30-12h)

Vou inaugurar um espaço formal cheio de informalidade e acolhimento, para a nossa comunidade de prática falar e mover a relação com o dinheiro. Pelo Zoom com câmera e microfone abertos.

Lido pela autora com Fernanda Carvalho Leite (14h-15h30)

Leitura do artigo “Elogio à Queda, o amor à gravidade e o corpo político em CI" (2018)

de Fernanda Carvalho Leite e Suzane Weber, lido pela primeira e seguido de conversa (com uma prática no meio). Um tema oportuno neste momento de pandemia, de cair em si, de quedar-se em casa, de quedas diversas…

Happy Hour com vídeos (18h)

Sabe esses momentos de descontração entre amigues, que alguém começa a mostrar um vídeo, que te lembra outro e entre um papo e outro isso continua acontecendo durante um tempinho? Então, a ideia é fazer isso de propósito e na sala da Mucíná Virtual! Entre e saia quando quiser.

Playground 01121 com Paola Francez e Clarice Rito (16-17h30)

Experimento coletivo de composição artística  transdisciplinar. Venha com seu corpo, seus brinquedos estéticos e sonoros, criar conosco nesse espaço-tempo baseado na prontidão da escuta. (vc vai precisar de um espacinho pra mover e roupas confortáveis). Clarice Rito é carioca, trabalha com artes visuais e performance desde 2009, explorando temas que vão da ecologia à poesia dos materiais, do espaço e das relações humanas. Pós-graduada em Conscientização do Movimento e Jogos Corporais - Metodologia Angel Vianna, na Angel Vianna Faculdade e Escola de Dança, pratica CI desde 2019. Em 2020, participou de 3 episódios do Podcast Fala Contato; colabora com a NossaJam Virtual, com os projetos de arte transdisciplinar online Playground 01121 e Dadanza Medellín e propõe o laboratório de criação Poesistência, através do Espaço Mova.

Domingo 16/08

Assumindo riscos com Conrado Falbo (16h-17h30)

Vivência feita especialmente para quem acredita que não sabe desenhar. Exercícios simples de improvisação para soltar os traços e assumir os riscos da imaginação. Obs. Você vai precisar de papel (folhas ou um caderno) e material para desenhar de sua preferência (lápis, canetas, giz de cera etc.)

Live conversando com Nita Little, por Paola Francez (19h-20h)

Conversa informal seguindo o fio da curiosidade sobre Contato Improvisação, Inteligência Relacional, alegria de viver e o que vier.

*Nita Little é uma das precursoras do contato improvisação, com mais de 50 anos de experiência, especialista em atenção corporificada e articulação da presença, ela é PhD em “Performance Studies” e ativista pela Inteligência Relacional.

Segunda-feira 17/08

DECANTO com Camila Vinhas Itavo (19h-20h30)

Dias 17 e 19/08 em horários diferentes. Com 1h30 de duração, podendo ter algum minutos a mais dependendo da disponibilidade das pessoas chegando a 60 minutos.
 

DECANTO, por Camila Vinhas Itavo

 

Do que fica do peso que entrego ao chão?

Enquanto decanto desaguo meus cantos.

Desconstruo-me, desenrolo-me, desenvolvo-me.

Me aprumo, imprimo. Aura e rastro no espaço.

Do que fica do peso que entrego ao chão?

Uma discussão! Ação e reflexão.

Tudo isso no seu caderno de anotação.

Não o esqueça. Vamos nutrir as memórias

do decantar e no varal pendurar!

Terça-feira 18/08

Movendo águas e paisagens internas com Panmella Ribeiro e Íris Fiorelli (10h-11h30)

Amigas, parceiras de trabalho a 10 anos, estão interessadas em compartilhar uma proposta híbrida! Você pode vir nesta prática sem ter nenhuma experiência prévia. É pra todo mundo e você pode realiza-la em qualquer lugar na sua casa. Vamos guiar uma espécie de viajem juntes! Vamos construir uma experiência de interação entre todes e com uma mistura boa de temas que são de interesse comum das facilitadoras. 

  • Como você percebe suas águas internas?

  • Qual a sua paisagem hoje?

  • Você consegue ouvir os fluxos e movimentos do seu corpo?

  • Já se sentiu conectada(o) com a sua própria dança?

  • Consegue perceber a sensação do movimento?

Venham com roupas confortáveis, fone de ouvido, caderninho se quiser tomar notas e a sua garrafinha de água!

ContaMINA - Mulheres e Autocuidado - com o coletivo TraveCIa (19h-21h)

Vivemos um momento inédito de distanciamento social. O contato entre os corpos tornou-se inseguro. Contágio. Vírus. Máscaras de segurança. Assepsia. Como cuidamos da nossa saúde sem toque? Como encontramos outros meios de nos sentirmos abraçadas, acolhidas, apoiadas? O que você tem feito para se cuidar? O Coletivo TraveCIa convida mulheres de todo Brasil a inaugurar um espaço de contágio positivo: o 1º encontro Contamina virtual! Vamos compartilhar experiências de como cada mulher tem vivido o autocuidado nesses meses de quarentena e inaugurar a lua nova de Agosto com um mover coletivo, impregnado de amor, sororidade, união.⠀ 

Estaremos juntas, cada uma em sua casa, cada uma em seu corpo. Mas em algum lugar, juntas. Te aguardamos!

Quarta-feira 19/08

DECANTO com Camila Vinhas Itavo (10h-11h30)

Dias 17 e 19/08 em horários diferentes. Com 1h30 de duração, podendo ter algum minutos a mais dependendo da disponibilidade das pessoas chegando a 60 minutos.
 

DECANTO, por Camila Vinhas Itavo

 

Do que fica do peso que entrego ao chão?

Enquanto decanto desaguo meus cantos.

Desconstruo-me, desenrolo-me, desenvolvo-me.

Me aprumo, imprimo. Aura e rastro no espaço.

Do que fica do peso que entrego ao chão?

Uma discussão! Ação e reflexão.

Tudo isso no seu caderno de anotação.

Não o esqueça. Vamos nutrir as memórias

do decantar e no varal pendurar!

Dança Improvisação com Cléia Placido (19h30-21h30)

Nossa proposta de C.I.  migrou para o ambiente virtual transformando-se numa prática imaginativa, colaborativa, caseira e artesanal baseada na investigação de conexões entre autocuidados corporais com alinhamentos , alongamentos e percepções de si e do outro neste ambiente. Experimentamos espreguiçamentos, composições com o tempo/espaço de cada casa, transgressões à comunicação via  enquadramento e fragmentos de dança a dois e coletiva.

Quinta-feira 20/08

Encerramento do VARAL de Ci com Marília Carneiro (horário surpresa)

Varalistas

São as primeiras pessoas entrevistadas que desejaram se pendurar, partilhar algo de seus materiais, inventar novos formatos e fazermos uma movida em rede.

Camila Vinhas Itavo

Camila Vinhas Itavo é bailarina, professora de dança e fotógrafa. É mestra em Performances Culturais,  pela UFG, com a pesquisa "O lado surpreendente da queda", sobre Contato Improvisação. Em 2020 inicia pesquisa de  doutorado na UFG.

Cléia Placido

Atua como artista da dança e

pesquisadora do movimento desde 2002, diretora do Coletivo Menos 1 Invisível. Desde 2013 organiza jams de contato improvisação em espaços alternativos e na rua. Com o Coletivo Menos ! Invisível realizou os trabalhos:"Passeio Dentro da Paisagem", Mostra Lugar Nômade, Turning Dance e Video Dança na Casa Amarela 1 e 2. Em 2018 estreou "ZONA", espetáculo contemplado pelo 25° edital de Fomento à Dança, direção de Luisa Coser. Foto de Arô Ribeiro

Coletivo TraveCIa

TraveCia é um grupo de trabalho formado por um trio de mulheres artistas (Flor Castilhos, Mar Mendes e Kamyla Mathias), que nasceu após dois anos de pesquisa laboratorial e tem como princípios o empoderamento feminino e a disseminação do corpo sensível na cidade. Com atuações profissionais distintas, as integrantes deste grupo têm como ponto de encontro o desenvolvimento de uma pesquisa pedagógica e prática do Contato Improvisação no Brasil. Em nossos trabalhos coletivos e individuais, investigamos o CI aliado a outras técnicas de dança, arte e autoconhecimento, realizando oficinas, pesquisas acadêmicas, documentário, videodanças e produções de eventos e festivais.

Conrado Falbo

Conrado Falbo é artista transdisciplinar e integra o Coletivo Lugar Comum (PE). Trabalha com voz, dança e desenho sob a perspectiva da improvisação.

Fernanda Carvalho Leite

Artista cênica, foi atleta, estudou biologia e tem se interessado na relação entre arte, ciência e espiritualidade buscando em diversas fontes amparo para suas intuições mais antigas. Defendeu em sua dissertação de mestrado a prática da Improvisação por Contato, tomando como foco o festival Sul em Contato, como um possível caminho para experienciar este entrelaçamento de campos na vida.

Íris Fiorelli

Dançarina e palhaça, formada em Hatha Yoga em Barcelona, 2002 e em Dança Inclusiva para crianças, Buenos Aires, 2009.  Coo Organiza o Festival de Contato Improvisação (C.I.)-Transformando pela Pratica em Florianópolis desde 2010. Estudou varias técnicas de dança como: Reeducação do Movimento, Clássica, Contemporânea, Brasileiras e Flamenca. Iniciou seus estudos de C.I.  e palhaçaria em 1997 e desde 2005 foca se na pratica e difusão.Em constante aperfeiçoamento estudou e estuda C.I. com professores de diversas nacionalidades.Participou e performeou em Festivais no Brasil, Argentina e Europa. Ensinou em Festivais Internacionais na Ilhabela, São Paulo, Rio de Janeiro e Buenos Aires. Como palhaça foi premiada pela FUNARTE, Secretaria de Cultura do Estado de Sergipe e Petrobrás .

Marília Carneiro

Olá, eu sou Marília Carneiro. Idealizei, fundei e dirijo a Mucíná - Aquela que Dança, com a ajuda de um conselho consultivo interdisciplinar. Sou Doutora em Educação/ Unicamp, dançarina contemporânea, mestre em Ciências da Saúde/Fiocruz, professora de Improvisação e coreógrafa indisciplinar. Nasci em São Paulo, morei em muitas partes do mundo e 8 anos no Rio de Janeiro, onde passei pela Angel Vianna e pelo Ateliê Coreográfico de Regina Miranda. Trabalhei com muita gente competente no meio profissional internacional da Dança. Sou improvisadora mais do que tudo, bem que gosto de uma boa coreografia. Estive em residência artística em Paris e em Moçambique, com prêmios e bolsas de pesquisa. Pela vida virei especialista em Contact Improvisation (Steve Paxton). Estudei pessoalmente com Nancy Stark Smith, Alito Alessi (método DanceAbility), vários outros nomes internacionais, e toda uma geração de colegas do Brasil. Fui uma das realizadoras do memorável Contact in Rio 2008. Interesso-me por metodologia de pesquisa em arte, processos de criação de obras e ensino-aprendizagem da dança. Estive no Canadá com a pioneira do debate sobre metodologia de pesquisa em Dança e Educação Somática, Profa. Dra. Sylvie Fortin. Amo o ofício de educadora, exercendo-o na transdisciplinarização de conhecimentos.

Panmella Ribeiro

Mestre em Artes Cênicas, pesquisadora na área da dança, facilitadora de vivencias e processos artístico/terapêuticos, fotógrafa, co-produtora e idealizadora da rede Aquatic Movement.

Paola Firmato-Francez

É advogada, gestora cultural e (eterna) aprendiz da improvisação como arte e filosofia de vida. O Contato Improvisação já surgiu em sua vida misturado com a colaboração na organização de encontros, começando pelo EnCIma da chapada 2016.. Na França, onde morava mais do que aqui, até ano passado (ou século XXII? :) realizou duas “Jam de l’Escandorgue”, o “Temps d’improvisation” e o “CIvenoles”. É idealizadora do projeto NossaJam, com a intenção de fomentar encontros semanais de prática coletiva de CI e desde que o modo presencial foi suspenso, em meados de março, tem realizado jams virtuais inspiradas no CI, de forma ininterrupta. Paô integrou recentemente a equipe do Nucleo de CI do Mova, a coordenação das jams da versão virtual do DF Improvisa Dança e agora veste a camisa do presente Varal.

 

Inscreva-se

 

A participação tem ingresso único para acessar o VARAL, independentemente de quais e quantas coisas você vai pegar. 

 

Ingresso único: R$160,00 pelo PagSeguro (cartão ou boleto)

 

1. Pague o ingresso único clicando no botão "pague"

2. Preencha o formulário abaixo

3. Entraremos em contato por e-mail

Formulário de Inscrição
 

Dúvidas / Contatos

oficinamucina@gmail.comfalar com Paola Francez.

 

Ficha Técnica

 

VARAL de Ci 

Idealização e coordenação de produção - Marília Carneiro

Realização - Mucíná - Aquela que Dança

Produção executiva associada - Paola Francez e Camila Torato

Arte gráfica - Camila Torato

Proponentes da 1a. edição: Camila Vinhas Itavo, Cléia Placido, Conrado Falbo, Fernanda Carvalho Leite, Flor Castilhos, Iris Fiorelli, Kamyla Matias, Marília Carneiro, Paola Francez, Panmella Ribeiro.

 
logo-quad-mucina.png

©2020 Mucíná - Aquela que Dança

#VARALdeCi